MENSAGEM DA SEMANA


 

A Doutrina da Imposição das Mãos

                                                    “Tu me cercaste por detrás e por diante, e puseste sobre mim a tua mão.” Salmos 139:5

O mistério da oração com a imposição das mãos é encontrado tanto no Antigo como no Novo Testamento, não podendo ser visto de forma mística e supersticiosa e sim com uma manifestação da graça de Deus. Trata-se de um recurso espiritual, através do qual Deus manifesta o seu poder em favor do seu povo.

Quando um homem em comunhão com Deus e movido pela fé verdadeira estende a sua mão sobre um membro da igreja, no céu, o Pai celestial também estende as suas mãos: “e puseste sobre mim a tua mão”.

Não devemos tornar comum um ato bíblico tão especial e realizá-lo de forma automática, sem o verdadeiro sentido e entendimento da Palavra do Senhor: “Não faças tu comum ao que Deus santificou” (At 10:15), pois esse tem sido um aspecto doutrinário frequentemente subestimado no meio evangélico. Não devemos perder a sensibilidade no tocante a esse recurso, mas devemos interceder crendo que a oração de um justo pode muito em seus efeitos (Tg 5:16).

Moises é o único homem em registros bíblicos, que recebeu imposição de mãos do próprio Deus. Em um momento difícil do seu ministério, de grande decepção, ele pediu para ver a face do Senhor a fim de ser consolado. Em resposta, o Senhor lhe disse que homem nenhum poderia ver a sua face e viver, em virtude de sua glória, porém, como forma de consolo, permitiu que Moisés visse a sua mão, quando o instruiu a entrar na fenda de uma rocha enquanto Ele passaria com toda a sua glória e colocaria sobre Moises a sua mão. E assim o fez (Ex 33:22).

O Senhor Jesus confirmou a doutrina da imposição das mãos, não somente em palavras, mas na prática, muitas vezes. Foi através de uma imposição de mãos que curou o cego de Betsaida, a mulher encurvada e muitos outros.

No culto levítico verificamos que a imposição de mãos simbolizava uma transmissão espiritual: “E porá a sua mão sobre a cabeça da oferta da expiação do pecado” (Lv 4:29). Se no culto levítico o pecador estendia a sua mão para transmitir o pecado ao cordeiro, no período da graça, tendo os pecados lavados no sangue de Jesus, o Cordeiro Eterno, o pecador perdoado pode estender suas mãos para transmitir a graça que foi derramada sobre ele.

Assim sendo, cabe ao servo do Senhor buscar conhecer de forma mais detalhada essa doutrina, que faz parte dos tesouros de Deus, para que o ato da imposição das mãos seja feito com fé e entendimento.

Autor: Pr. Marcelo Ferreira

Para conhecer quem pode impor as mãos, como deve acontecer a imposição, quais o efeitos deste ato e outras informações, clique aqui e veja adquira o livro “A Doutrina da Imposição de Mãos”.

Sobre a loja

CENTRAL EVANGÉLICA: A Livraria da Igreja. Preço baixo é aqui! Parcelamos em até 7x sem juros! FRETE GRÁTIS e PROMOÇÕES em muitos produtos. Grande variedade de Bíblias, materiais de estudo e livros evangélicos. Coletâneas de louvores e outros produtos exclusivos da Igreja Cristã Maranata. Confira!

Pague com
Selos

Central Evangélica - CNPJ: 16.795.713/0001-29 © Todos os direitos reservados. 2018

c6027815bbefe6c8b33f1cf24532f505